Instalação Tags de Web Behavior

Instalação da Tag

A instalação da tag é bastante simples. Basta incluir o snippet recebido em sua ferramenta de tag management e configurar para que a tag seja disparada em todas as páginas do web site. Abaixo há um exemplo de configuração no Google Tag Manager:

[IMAGEM]

A simples inicialização da tag, isto é, a inclusão do snippet no tag manager ou no cabeçalho da página, dispara um evento de coleta de alguns parâmetros da página visitada e do navegador do usuário, a fim de aumentar a precisão de identificação. Além dos dados de navegação, também é possível disparar eventos que capturam ações específicas do usuário.

Coleta de Dados: Eventos

A implementação da tag Pmweb é bastante simples e flexível. A ingestão de dados ocorre através do método pm(), que pode receber um ou mais eventos. A relação completa dos eventos está na tabela a seguir:

Entidade Descrição
match Identificação do usuário
view Exibição do produto (por exemplo, produto exibido em lista)
click Clique em produto
detail Página de detalhe do produto
cart Produto adicionado ao carrinho
remove Produto removido do carrinho
checkout Informação de dados de pagamento, faturamento e entrega
purchase Transação de compra
transaction Dados da transação de compra
add Dados adicionais
category Navegação de categoria

Identificação de usuário

O mais importante recurso da API de coleta da Pmweb é a entidade match. Ela deve ser informada sempre que for possível identificar com segurança quem é o usuário que está navegando no site. Esta identificação pode ser realizada por meio de um customer_id, e-mail ou RIID, o ID da plataforma Oracle Responsys Interact. Outro ponto importante é que a entidade match pode ser disparada de modo individual ou combinada a outras eventos. No trecho abaixo há um exemplo de identificação do usuário:

pm({
match: {
customer_id: '835456-15'
}
});

As formas de identificação de usuário possíveis são:

Entidade Descrição
customer_id ID único do usuário no cliente
email E-mail do usuário
sha256 Hash SHA-256 do endereço de e-mail
md5 Hash MD5 do endereço de e-mail
riid Responsys Interact ID

A atribuição da identificação ao cookie do usuário será mantida enquanto o cookie for preservado no browser do usuário final ou até que um novo chamado de match ocorra. Também é importante mencionar que a atribuição ocorrerá na ordem descrita acima, isto é, customer_id tem preferência sobre hash md5, o que significa também que os atributos são excludentes, somente um formato deve ser informado. Caso o método utilizado para matching seja email, a tag realizará a conversão para um hash SHA-256 automaticamente, a fim de evitar que dados pessoais identificáveis (PII) sejam transmitidos e/ou armazenados.

Interação com produtos

O método pm() permite que sejam informadas interações do usuário com produtos no site. Abaixo está um exemplo de chamado:

pm({
detail: [{
name: "V-Neck T-Shirt",
id: '12345',
price: 15.25,
brand: "Pmweb",
category: "Apparel",
variant: "Black",
list: "Search Results",
quantity: 1,
size: "M",
position: 1
}]
});

As entidades view, click, detail, cart, remove, checkout e purchase recebem um array de elementos do tipo product com os produtos relacionados àquela etapa do funil de conversão. Ou seja, quando o usuário chega na etapa de pagamento do funil de conversão, deve ser disparado um evento do tipo checkout com o array de produtos no carrinho do usuário naquele momento.

Objeto product

As entidades do objeto product estão descritas na tabela abaixo. Repare que o único elemento obrigatório é o id, que se refere ao código (SKU) do produto. Contudo, quanto mais elementos forem informados, melhor será a capacidade da Pmweb de trabalhar a informação.

Entidade Descrição
name Nome do produto
id ID do produto (obrigatório)
price Preço exibido na página
brand Marca do produto
category Categoria do produto
variant Variação do modelo exposto (cor, etc.)
sku SKU do produto
size Tamanho do modelo exposto
list Local onde o produto foi exposto (tipo de página / seção)
quantity Unidades adicionadas ao carrinho / adquiridas
position Posição na lista de produtos

Transação de compra

Uma ação do tipo purchase sinaliza uma transação de compra efetuada pelo usuário final. Esta informação é de extrema importância para que este seja removido de campanhas de retargeting para os produtos adquiridos. Para disparar este evento, deve-se utilizar o método pm(), informando obrigatoriamente um array purchase contendo todos os produtos adquiridos (de acordo com as especificações descritas acima), além de uma entidade transaction contendo, no mínimo, os membros id e revenue (receita total, incluindo impostos e frete).

pm({
purchase: [
{ /* product1 */ },
{ /* ... */ },
{ /* productN */ }
],
transaction: {
id: 'T12345',
affiliation: 'my_partner',
revenue: 26.34,
tax: 4.90,
shipping: 5.99,
coupon: 'SUMMER_SALE'
}
});

A seguir, a descrição de cada um dos parâmetros da entidade transaction:

Entidade Descrição
id Identificação da transação / pedido (obrigatório)
affiliation Código de afiliado
revenue Receita total, incluindo impostos e frete
tax Despesa com impostos
shipping Despesa com frete
coupon Cupom de desconto utilizado

Dados adicionais

A API de coleta da Pmweb permite que o cliente informe uma relação de pares chave/valor para abastecer tabelas auxiliares de dados. Para informar dados adicionais, basta acrescentar a qualquer invocação do método pm() a entidade add, de additional data. Confira um exemplo:

pm({
checkout: [
{ /* product1 */ },
{ /* ... */ },
{ /* productN */ }
],
add: [{
hello: "world",
foo: "bar"
}]
});

Um ponto importante a ser considerado é que a entidade add deve sempre acompanhar o objeto que se pretende enriquecer com dados adicionais. Isto porque durante o processamento de dados (camada de ETL), os dados adicionais serão processados junto com o evento que está sendo “enriquecido” (por exemplo, transação de compra). Desta forma, os dados serão processados de forma simultânea.

Navegação de categoria

Nem sempre é possível associar a navegação do usuário a um produto específico. Contudo, mesmo nestes casos pode ser possível atribuir o pageview a uma determinada categoria de produto (ex., roupas masculinas). Para atender estes casos, é possível disparar um evento do tipo category, que associa o pageview a uma categoria de produto:

pm({
category: {
id: '5',
name: 'Roupas masculinas'
}
})

Configuração do tag manager

A única condição para chamar o método pm() é que a tag Pmweb já tenha sido carregada e esteja disponível. Quando o método for chamado após eventos do usuário, como o envio de um formulário, por exemplo, não é necessário realizar nenhuma modificação. No entanto, caso o evento seja disparado em todas as páginas, recomenda-se definir uma prioridade mais baixa no disparo do evento para ter a garantia que ele somente será disparado após a tag principal ter sido carregada, como no exemplo abaixo:

Não encontrou o que procurava?

Procurando por algo em específico? Navegue pelos diretórios e categorias e você encontrará o que busca.

Contato